Segunda edição do Salão Literário Infantojuvenil Brasil-Alemanha acontece em maio

Imagem
A i-Lit (Fórum Literário Internacional), em parceria com as editoras Ogro, Girabrasil, Razamba, Fafalag, Gratitude, o estúdio Illustralabor e o Clube do Livro Muenster, vai realizar o 2º Salão Literário Infantojuvenil Brasil-Alemanha, nos dias 4 e 5 de maio de 2024, em Offenbach am Main, na Alemanha.   Para isso acontecer, o evento está recebendo apoio institucional do Consulado-Geral do Brasil em Frankfurt, da Prefeitura de Offenbach, da Der Paritätische (organização não governamental alemã que atua na área social), do Instituto Guimarães Rosa e do Instituto F.I.Z. e.V.   Este segundo Salão proporcionará atividades interativas gratuitas para jovens leitores alemães e para a comunidade brasileira local, e também irá reforçar a riqueza e a diversidade na literatura, atraindo participantes de diversas nacionalidades.   Para Andréia Oliveira Amthor, agente literária e fundadora da i-Lit, o retorno do Salão Literário demonstra que o evento foi bem recebido pelas autoridades

Conheça destinos turísticos famosos pelo cultivo da fruta tipicamente brasileira

Norte e Nordeste atraem turistas interessados em conhecer o processo de produção da iguaria também conhecida como o "fruto de ouro"
 


Quando se fala em Cacau, a primeira coisa que pensamos é: chocolate. E claro, não é para menos. Afinal, são poucas as pessoas que não se deliciam com a iguaria apreciada em todo o mundo. Mas além de ser uma fruta deliciosa, o cacau também oferece diversos benefícios à saúde. O Brasil é um dos maiores produtores do mundo dessa matéria prima, com destaque para o Norte e o Nordeste.
 

No Nordeste, o estado da Bahia já foi o maior produtor da fruta. No entanto, o Pará vem se destacando neste cultivo, com uma das cidades de maior produção de cacau do mundo. A paraense Medicilândia, no sudeste do estado, não é apenas uma das maiores produtora do chamado "fruto de ouro", mas também foi destaque em uma das mais importantes premiações do mundo, o Cocoa of Excellence Awards (Cacau de Excelência). Juntamente com Ilhéus (BA), as amêndoas brasileiras dividiram o primeiro lugar do prêmio que consagra as 50 melhores do mundo. A medalha de prata do evento também ficou para Medicilândia.
 

Diante desse histórico de excelência, o MTur não poderia deixar de dar destaque a roteiros para os viajantes que desejem unir gastronomia e história no país. Confira as dicas.
 

PARÁ - Vem se destacando como um grande produtor de cacau. Na capital Belém está localizada a Ilha do Combu, conhecida pela produção de açaí e cacau e que também abriga a famosa produtora de chocolate Casa do Chocolate da Dona Nena ou Filha do Combu, como também é conhecida. O passeio pela Casa do Chocolate é uma das atividades imperdíveis da ilha. Há opções para café da manhã, visita à plantação de cacau, ao processo de fabricação do chocolate artesanal e trilha interpretativa na floresta. Lá, é possível encontrar barras de chocolate 100% cacau, cacau em pó, brigadeiros, entre outros produtos feitos com o cacau orgânico plantado no local.

BAHIA - Já no estado baiano o destaque fica por conta da cidade de Ilhéus. Há décadas o cacau atrai turistas do mundo inteiro à cidade pelo fato de ter servido de ingrediente principal para muitos romances de Jorge Amado. As histórias que permeiam o local e o fruto mexem com o imaginário das pessoas que buscam conhecer a cadeia produtiva do cacau, muito presente nas histórias dos "coronéis" da época áurea do "fruto de ouro".
 

Também na Bahia é possível conhecer a Estrada do Chocolate, que passa por Ilhéus e pela cidade de Uruçuca. O roteiro inclui passeios por antigas fazendas de cacau oferecendo uma viagem ao passado. No enredo, a história dos coronéis e suas fortunas, desde o plantio do fruto, passando pelos hábitos das famílias, o auge e a crise provocada pela praga da vassoura de bruxa, até a recente chegada das fábricas de chocolate na região, que também podem ser visitadas.
 

POR TODO O BRASIL - O Brasil também tem o maior evento dedicado ao chocolate e ao cacau da América Latina. O Chocolat Festival tem como propósito criar um relacionamento direto da cadeia produtiva do cacau com seu consumidor, fazendo a expansão do conhecimento de produtos derivados do cacau para promover a indústria, o agronegócio, o turismo e a gastronomia.
 

O festival teve sua primeira edição em 2009, em Ilhéus. Após grande sucesso, o evento chegou à Belém do Pará em 2013 e já reuniu mais de 750 mil visitantes nas 20 edições realizadas nos dois maiores produtores: Bahia e Pará. O evento também já passou por estados como Espírito Santo, São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
 

TURISMO RURAL - O MTur, com o objetivo de ampliar e diversificar a oferta turística brasileira por meio da inserção de produtos e serviços da agricultura familiar no mercado turístico, desenvolveu o projeto Experiências do Brasil Rural (EBR) para apoiar a formatação e o posicionamento de produtos e roteiros turísticos de experiência no meio rural, a exemplo dos roteiros aqui apresentados que tem na indústria do Cacau um importante atrativo turístico.
 

Conheça AQUI as rotas participantes.


SIGA NAS REDES SOCIAIS:



CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE NO CANAL "O BLOGUEIRO OFICIAL" DO YOUTUBE !


VEJA TAMBÉM:

Rita Cadillac grava vídeo pornô com criador de conteúdo adulto Jefão

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

Multishow e Globoplay transmitem "SOWETO - 30 Anos Ao vivo" nesta sexta (19)

"Acampamento de Magia para Jovens Bruxos" estreia no Gloob na próxima sexta-feira, dia 12

BBB: Análise das três últimas edições aponta diferenças no comportamento do público nas redes sociais

Ana Clara invade casa do Big Brother Brasil 24 após grande final no Multishow

MODA: Podyh AW24

Indústria brasileira desacelera diversificação do portfólio no primeiro trimestre

Vitrine de Inovações: Agrishow 2024 reunirá mais de 800 marcas expositoras nacionais e internacionais durante os cinco dias de evento

Novo Nordisk é a única farmacêutica presente no Web Summit 2024