Pretah leva samba, MPB e sons regionais ao Palco Sesc

Imagem
Foto: Divulgação  Quarta-feira 17/04, é dia de Palco Sesc e quem se apresenta desta vez é a cantora  Pretah . A ação é parceria do  Sesc Cultura , integrante do Sistema Comércio e  Shopping Campo Grande  . A apresentação começa às 18h30, na praça de alimentação, aberta ao público. Pretah apresenta um repertório repleto de músicas brasileiras, como samba, incluindo também canções de compositores regionais. Serviço – Informações pelo telefone (67) 3311-4300 ou pelo WhatsApp (67) 3311-4417. Acompanhe as ações do Sesc Cultura @sescculturams e Facebook/sescculturams e no aplicativo "Encontre no Sesc". CLIQUE E FALE COMIGO: @OBLOGUEIROOFICIAL SIGA NAS REDES SOCIAIS: INSTAGRAM:   www.instagram.com/oblogueirooficial PINTEREST:   www.br.pinterest.com/oblogueirooficial TIKTOK:  www.tiktok.com/@oblogueirooficial FACEBOOK:  www.facebook.com/siteoblogueiro THREADS:   www.threads.net/@oblogueirooficial TWITTER:   www.twitter.com/siteoblogueiro CLIQUE  AQUI   E INSC

PNX Ar Comprimido muda sede para São Leopoldo

 

 

 

 

Líder no Sul do país e com unidades em Novo Hamburgo/RS (matriz), Criciúma/SC, Joinville/SC e Curitiba/PR, a PNX Ar Comprimido está mudando sua matriz para São Leopoldo/RS. Além de realizar melhorias no ambiente corporativo, a intenção é ficar localizada, estrategicamente, mais próxima de clientes industriais importantes. A mudança foi finalizada no dia 25 de março.
 

O diretor da empresa, Paulo Freitag, conta que o investimento no novo prédio passa de R$ 2 milhões, especialmente com adaptações voltadas ao melhor atendimento ao cliente, treinamentos para novas tecnologias e criação de um ambiente que "resgate a essência da PNX". A empresa, fundada há 32 anos, cresceu rapidamente ao longo dos anos mais recentes, inclusive em número de colaboradores, já que há cinco anos eram 70 funcionários e hoje já são 115 pessoas no quadro. "A preocupação com o bem-estar dos nossos colaboradores sempre fez parte do DNA da PNX, assim como a proximidade e o atendimento de excelência dos nossos parceiros. Com o crescimento rápido da empresa, manter essas questões se tornou um desafio. A mudança da sede busca justamente resgatar essa cultura, com otimização do atendimento ao mercado, trazendo os clientes para dentro da empresa (literalmente), com eles podendo conhecer in loco o modus operandi da PNX", comenta Freitag, ressaltando também o melhor ambiente de trabalho que será proporcionado para os colaboradores. "No novo prédio teremos ainda uma área de descompreensão, para reuniões mais informais e confraternizações, além de refeitório próprio", adianta o empresário.
 

O novo prédio, onde antes funcionava a indústria química Lanxess, tem 1,5 mil metros quadrados, o dobro da metragem em relação ao prédio da sede anterior.


Mercado
Dona da marca Air Trust Rental e representando grandes marcas nacionais e internacionais no mercado brasileiro, como Ingersoll Rand, Camozzi Automation, Kito, Aro, Parker Domnick, Robuschi, Elmo Rietschle, Seepex entre outras, a PNX Ar Comprimido cresceu 15% ao longo de 2023. Naquele ano, o faturamento chegou a mais de R$ 104 milhões. "Para 2024, focando na maior eficiência e na otimização da prestação de serviços, a meta é crescer mais 15% em faturamento", projeta Freitag. "Será um desafio, especialmente pelo fato do mercado ainda ter muitas incertezas diante das instabilidades econômicas no cenário nacional e internacional. Estamos com essa expectativa de crescimento muito mais em função dos nossos investimentos em infraestrutura e recursos humanos do que pelo andamento do mercado", comenta o diretor.
 

Tendo nascido com foco no atendimento da indústria calçadista do Vale do Sinos, a PNX Ar Comprimido pulverizou sua atuação ao longo dos anos e hoje atende todos os setores econômicos, com foco em implementações agrícolas, setores automotivo e alimentício e, claro, indústria de calçados.
 

Entre seus clientes, a PNX tem a Calçados Beira Rio, Stihl, Taurus, Killing, Dilly, Dass, Pegada, Gedore, Freios Controil, Klabin, Springer/Midea, TFL, Marcopolo, Grupo Tramontina, Grupo Randon, Vinícola Panizzon, GL Legram, Bertolini, Agrale, Unicasa, Trombini, Borrachas Vipal, JBS, entre outros.
 

Serviços
A PNX Ar Comprimido trabalha com venda, locação e assistência técnica para fornecimento de ar comprimido para a indústria. Considerado uma energia vital para o funcionamento do setor industrial de diversos setores, o ar comprimido é utilizado como energia para o funcionamento das indústrias Automotiva (em freios, suspensões e acionamentos pneumáticos); Alimentícia (na produção de embalagens e acionamento de máquinas); Construção Civil (na operação de ferramentas pneumáticas e no controle de sistemas de climatização); na Indústria Farmacêutica (na limpeza de equipamentos, transporte de produtos e em processos de produção); no Setor Médico (em equipamentos como bombas de infusão e ventiladores pulmonares); na Indústria Têxtil e de Calçados (na operação de teares e máquinas de costura industriais); em Laboratórios e Pesquisa (em diversos equipamentos de laboratório, como cromatógrafos e espectrômetros de massa); entre outros segmentos.

 

 Foto: Divulgação 

 

 

SIGA NAS REDES SOCIAIS:



CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE NO CANAL "O BLOGUEIRO OFICIAL" DO YOUTUBE !




VEJA TAMBÉM:

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

"Acampamento de Magia para Jovens Bruxos" estreia no Gloob na próxima sexta-feira, dia 12

MODA: Podyh AW24

Indústria brasileira desacelera diversificação do portfólio no primeiro trimestre

ESPORTES: YoPRO anuncia sua primeira corrida em parceria com Norte Marketing

Atlantica Hospitality International lança empreendimento na região da Avenida Paulista em São Paulo

Tarkett cria piso vinílico que facilita paginações criativas

#RespeitaMeuCapelo: chapéu de formatura é recriado para atender cabelos de pessoas negras

Com marcas como TIM, PRIO, Hashdex e Invest.Rio e nomes de peso no conselho, Instituto 12 nasce no coração do Leblon para fomentar a inovação no Rio

Empreendedorismo Familiar e superação: Do garoto vendedor de cocada na Zona Leste à CEO de 3 empresas, e sócio do Káka Diniz e João Kepler