ARTE: Instituto Tomie Ohtake apresenta Maria Lira Marques - Roda dos Bichos

Imagem
Artista natural do Vale do Jequitinhonha, tem sua primeira exposição individual institucional da carreira, apresentando trabalhos realizados nas últimas três décadas, a partir do barro que extrai das encostas mineiras para produzir cerâmicas e pigmentos naturais para suas pinturas e esculturas. Foto: Divulgação Abertura: 02 de março de 2024 – às 11h Em cartaz até 26 de maio de 2024   O Instituto Tomie Ohtake apresenta Roda dos Bichos , exposição dedicada à produção de Maria Lira Marques. Tendo como curador Paulo Miyada e curadora assistente Sabrina Fontenele, a mostra reúne trabalhos de toda a carreira de Lira Marques, que nas últimas três décadas extrai o barro das encostas mineiras para produzir cerâmicas e pigmentos naturais para suas pinturas e esculturas. Com uma produção profundamente marcada pelo imaginário do semiárido mineiro, a artista se destaca por desenvolv

MÚSICA: Fat White Family anuncia detalhes do quarto álbum, Forgiveness Is Yours, e compartilha o vídeo do novo single “Bullet Of Dignity”

 

Crédito da foto: Louise Mason

O álbum será lançado pela Domino na sexta-feira, 26 de abril de 2024.

 

Assista ao vídeo de "Bullet Of Dignity" AQUI

 

Fat White Family está de volta com a criação mais sofisticada, vital e extravagante de sua carreira.

 

O quarto álbum resplandecente da banda cult do sul de Londres, Forgiveness Is Yours, que será lançado na sexta-feira, 26 de abril, como tudo o que eles fizeram, os levou aos limites não apenas de seu talento criativo, mas de sua saúde, sua sanidade e sua própria existência.

 

A banda compartilhou um vídeo incrivelmente exuberante para "Bullet Of Dignity", a última faixa do álbum. O vídeo, dirigido por Niall Trask, apresenta a banda em uma homenagem de inteligência artificial aos criadores de imagens Pierre & Gilles: Pierre Commoy e Gilles Blanchard. "Bullet of Dignity" segue o recente lançamento da faixa do álbum,  "Religion For One".

 

Para Lias Saoudi, Forgiveness Is Yours "é sobre a vida como contingência eterna... sobre não mais suspeitar, mas saber que essa merda nunca ficará mais fácil... na verdade, está prestes a ficar muito pior, seu corpo entrará em decadência e as pessoas que você ama começarão a morrer lentamente ao seu redor... mas, de alguma forma, você destruiu o suficiente de suas expectativas até agora na vida, você está meio que bem com isso... você aceita". Suas onze faixas se desdobram como um discurso lateral sobre o estado da nação, um boletim de injustiças que narra tempos fora de controle. No entanto, felizmente, apesar dos sofrimentos de seus criadores (o membro fundador Saul Adamczewski deixou a banda de forma permanente e amarga durante a gravação), Forgiveness Is Yours é um verdadeiro deleite.

 

Só podemos levar Lias a sério quando ele diz: "Os temas estéticos predominantes aqui são torpor e ainda mais torpor". Forgiveness Is Yours é um testemunho da vontade de criar, mesmo quando catástrofes continuam acontecendo, quando você saiu da névoa das drogas a tempo suficiente para perceber que o dano é irreparável, todas as tréguas são passageiras e o jogo nunca valeu a pena. O álbum é a quintessência do desencanto e o fruto agridoce de tempos vis e sinistros. Vamos aproveitar enquanto podemos — não há nada igual por aí.

 

Desde os primeiros dias, Fat White Family compreendeu instintivamente o poder há muito negligenciado do mito no rock'n'roll, a necessidade de oferecer às pessoas algo (ou nada) para acreditar. Em uma monocultura monótona de pop convencional, o Fat White Family carrega a chama sagrada. Uma banda com o poder de inspirar, eles são veementemente punk não no som, mas no espírito, e seus shows ao vivo são objeto de lenda urbana — sussurros fervorosos contam de uma força xamânica crua, ferocidade desenfreada, atos chocantes de transgressão e auto humilhação. 

 

Durante o tumultuado período que levou para o novo álbum ser lançado, a banda permaneceu ativa em várias frentes. Projetos paralelos e projetos solo estão em alta, eles recriaram "The Shawshank Redemption" em seus telefones via Instagram, apoiaram Liam Gallagher em seu maior show solo em Knebworth, fizeram e exibiram um filme curta requintado com nuances de Bergman chamado "Moonbathing in February", enquanto Lias surpreendentemente se reinventou durante o lockdown como um dos escritores de prosa mais divertidos e francos por aí, primeiro com sua coluna para o The Social, "Beyond the Neutral Zone", e depois colaborando com a autora Adelle Stripe em um dos grandes livros de rock'n'roll desta ou de qualquer outra década, "Ten-Thousand Apologies: Fat White Family and the Miracle of Failure".

Tracklisting do álbum:

 

1. The Archivist

2. John Lennon

3. Bullet Of Dignity

4. Polygamy Is Only For The Chief

5. Visions Of Pain

6. Today You Become Man

7. Religion For One

8. Feed The Horse

9. What's That You Say

10. Work

11. You Can't Force It  

 

O álbum está disponível em CD, download digital, vinil preto e vinil transparente. Uma edição de vinil transparente exclusiva da Domino Mart, com um single bônus de 7 polegadas contendo duas novas faixas, "What If I Told You" e "Yorkshire", também estará disponível.

 

Faça pré-encomenda do álbum AQUI.

 

Capa do álbum por Anna MacDowell

……………………………

Para mais informações sobre Fat White Family:

WEBSITE | FACEBOOK | TWITTER | BANDCAMP | INSTAGRAM | YOUTUBE

 





SIGA NAS REDES SOCIAIS:




CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE NO CANAL "O BLOGUEIRO OFICIAL" DO YOUTUBE !




MAIS ACESSADAS:

Tecnologia excludente

TECNOLOGIA: Modernização tecnológica contribui para sustentabilidade e melhora imagem de empresa para clientes e investidores

LITERATURA: Existe relacionamento perfeito?

NEGÓCIOS: Agrishow 2023

BELEZA: Especialista analisa os procedimentos estéticos dos participantes do BBB 23 "Exagerou"

Literatura empodera mulheres

NEGÓCIOS: Concretizando internacionalização, Agrotools anuncia diretor de operações na América do Norte

DECORAÇÃO: Design Dopamina

ENTRETENIMENTO: NFT.Brasil