Segunda edição do Salão Literário Infantojuvenil Brasil-Alemanha acontece em maio

Imagem
A i-Lit (Fórum Literário Internacional), em parceria com as editoras Ogro, Girabrasil, Razamba, Fafalag, Gratitude, o estúdio Illustralabor e o Clube do Livro Muenster, vai realizar o 2º Salão Literário Infantojuvenil Brasil-Alemanha, nos dias 4 e 5 de maio de 2024, em Offenbach am Main, na Alemanha.   Para isso acontecer, o evento está recebendo apoio institucional do Consulado-Geral do Brasil em Frankfurt, da Prefeitura de Offenbach, da Der Paritätische (organização não governamental alemã que atua na área social), do Instituto Guimarães Rosa e do Instituto F.I.Z. e.V.   Este segundo Salão proporcionará atividades interativas gratuitas para jovens leitores alemães e para a comunidade brasileira local, e também irá reforçar a riqueza e a diversidade na literatura, atraindo participantes de diversas nacionalidades.   Para Andréia Oliveira Amthor, agente literária e fundadora da i-Lit, o retorno do Salão Literário demonstra que o evento foi bem recebido pelas autoridades

No Provoca: Daniela Arbex fala da pressão que sofreu ao escrever livro sobre a tragédia no Ninho do Urubu



Foto Beatriz Oliveira

 

NESTA TERÇA (26), NA TV CULTURA, MARCELO TAS ENTREVISTA A ESCRITORA MINEIRA, QUE CONTA DETALHES SOBRE SUAS INVESTIGAÇÕES

 

No Provoca, Marcelo Tas recebe a jornalista mineira Daniela Arbex, autora de grandes livros como Holocausto Brasileiro, Todo Dia a Mesma Noite, Longe do Ninho, Cova 312 e outros. Aclamada pelo meio jornalístico e ganhadora dos Prêmios Vladmir Herzog e Jabuti, a escritora fala sobre o processo de escrita de suas obras, as histórias por trás de cada caso e sua família. A entrevista vai ao ar nesta terça-feira (26/3), a partir das 22h, na TV Cultura.
 

Marcelo Tas questiona a jornalista sobre seu livro Todo Dia a Mesma Noite, que investiga a tragédia da Boate Kiss e, posteriormente, é usado como argumentação no caso. "Foi muito emocionante para mim quando o Ministério Público agrega o livro ao processo, anexa ao processo. [...] Então, assim, é incrível porque [...] eu sou uma contadora de histórias, mas muito mais do que tocar o outro, e a gente quer tocar o outro, a gente quer transformar realidades. A gente quer que o nosso trabalho seja uma referência para mudar uma realidade." Recentemente, o juiz do caso acolheu o recurso contra anulação de quatro condenações, como citado pela jornalista.
 

Daniela Arbex fala ainda sobre o Hospital Colônia de Barbacena, retratado na obra Holocausto Brasileiro, e a entrevista que fez com o maquinista que operava a linha de trem que levava os "loucos" para o hospício: "Uma fala dele reflete toda a cultura de uma época higienista, ele diz assim: 'ah, minha filha, não tinha nada de diferente não, só um vagão escrito 'vagão para louco', e ninguém podia ir lá'. Então, é isso né, ele conta essa história com essa naturalização, essa banalização do mal". Ela diz que, em sua concepção, a intenção do hospital nunca foi de tratar, mas sim excluir os indesejáveis sociais. "Se você pensar que 70% das pessoas encaminhadas pra lá não sofriam de doença mental, eram principalmente negros, pobres, militantes políticos, meninas que haviam perdido a virgindade antes do casamento, todo o tipo de indesejável social era um candidato para ser mandado para o Colônia [...] Ao serem desumanizados diariamente, eles também se comportaram dessa forma, né? Eles perdiam sua humanidade, se comportavam até como bichos."
 

Ao falar sobre seu livro Longe do Ninho, em que relata o incêndio no Ninho do Urubu, Centro de Treinamento do Flamengo, Daniela conta: "Eu falo que é uma investigação premonitória quando um técnico fala 'esse alojamento é inadequado e no caso de uma emergência noturna haverá grandes dificuldades' e foi exatamente o que aconteceu. Esse alerta foi feito em junho de 2018 e o incêndio aconteceu em fevereiro de 2019, uma tragédia evitável." Ela fala também sobre a pressão que sofreu durante e depois de sua investigação. "Eu tive momentos bem difíceis, os bastidores desse livro são muito difíceis. [...] Acho que foi a primeira vez que a gente teve um bastidor tão tumultuado, tão difícil... [...] E olha que a gente já lidou com coisas enormes, a gente denunciou a Vale, e a Vale também silenciou. [...] Eu acho que é um poder diferente que se mistura a essa paixão, e as pessoas confundem, achando que isso macula a imagem do time".



SIGA NAS REDES SOCIAIS:



CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE NO CANAL "O BLOGUEIRO OFICIAL" DO YOUTUBE !





VEJA TAMBÉM:

Rita Cadillac grava vídeo pornô com criador de conteúdo adulto Jefão

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

Multishow e Globoplay transmitem "SOWETO - 30 Anos Ao vivo" nesta sexta (19)

"Acampamento de Magia para Jovens Bruxos" estreia no Gloob na próxima sexta-feira, dia 12

BBB: Análise das três últimas edições aponta diferenças no comportamento do público nas redes sociais

Ana Clara invade casa do Big Brother Brasil 24 após grande final no Multishow

MODA: Podyh AW24

Indústria brasileira desacelera diversificação do portfólio no primeiro trimestre

Vitrine de Inovações: Agrishow 2024 reunirá mais de 800 marcas expositoras nacionais e internacionais durante os cinco dias de evento

Novo Nordisk é a única farmacêutica presente no Web Summit 2024