TÜV Rheinland é agora um Laboratório de Testes Autorizado da Wi-Fi Alliance(R)

Imagem
Certificação garante que produtos atendem a rigorosos requisitos de interoperabilidade com o protocolo Wi-Fi 7   A TÜV Rheinland, líder global em serviços de teste, inspeção e certificação, acaba de ser designada como Laboratório de Testes Autorizado (Authorized Test Laboratory - ATL) da Wi-Fi Alliance®, e passa a ter atuação global, com capacidade de apoiar clientes no mundo todo.   O programa Wi-Fi CERTIFIED™ garante interoperabilidade testada e comprovada entre dispositivos Wi-Fi®. Esta certificação dá aos usuários a confiança de que os produtos Wi-Fi com o logotipo Wi-Fi CERTIFIED atendem a rigorosos requisitos de interoperabilidade.   "Tornar-se um Laboratório de Testes Autorizado em nível global representa um passo importante no fortalecimento da nossa liderança, bem como na demonstração da nossa capacidade para prestação de serviços de teste de tecnologias sem fio, particularmente no contexto da Internet das Coisas. Sabemos que o setor de tecnologia é um dos

Rede Synapse desperta o empreendedorismo social em cerca de 2 mil professores da rede pública de ensino de municípios de baixo IDEB

 

Professores capacitados na metodologia da Rede Synapse criam ferramentas e ações, considerando a realidade de cada aluno, para aumentar a conexão e facilitar o aprendizado. Do 'Cantinho da leitura' ao "Dado das emoções", vale tudo para impulsionar a alfabetização e a educação infantil nas cidades com baixo IDEB

 


Professores da Rede Synapse em formação | Foto Divulgação

Professores da Rede Synapse em formação | Foto Divulgação


A Rede Synapse - uma ONG (Organização não-governamental) formada pela iniciativa empreendedora de professores que atuam no conceito de tecnologia social voltada à melhoria do ensino no ciclo de alfabetização e Educação Infantil, em regiões de extrema pobreza – já capacitou cerca de 2.000 professores da Rede Pública de Ensino, na sua metodologia exclusiva, que considera a realidade e a vivência de cada aluno na educação infantil e na alfabetização.

 

Mais que formar professores, a metodologia tem desenvolvido o empreendedorismo social para a educação, incentivando os educadores a criarem iniciativas e ferramentas que vão colaborar com a educação infantil e a alfabetização. A Rede Synapse já impactou mais de 41.700 alunos da rede pública de ensino nos 38 municípios brasileiros em 6 estados (SE, MA, CE, MG, PB e PA) onde atua.

 

Um cantinho da leitura para transformar pequenos cidadãos em leitores - Uma dessas iniciativas que a Rede Synapse ajudou a criar é a da professora Sabrina Ferreira, de 30 anos. Em 2022, recebeu um convite do prefeito do município de Córrego Gerais (MG), para trabalhar em uma escola pública, com sala multisseriada (com alunos em série diferentes, simultaneamente, na mesma sala de aula), com apenas nove alunos. Na escola só havia ela e a cozinheira responsável pela alimentação das crianças. Segundo a professora, o maior problema, além da infraestrutura, era o nível de alfabetização. Para se ter uma ideia, uma de suas alunas, já no 5º ano, não sabia o que era um calendário, não conhecia dias da semana, não conhecia as letras minúsculas, nem impressas nem cursivas.

 

Então, a professora foi conhecer a Rede Synapse, o que ela define como "uma transformação na vida profissional e pessoal". Com a formação na metodologia, ela começou a aplicar os novos conhecimentos em suas aulas. "A metodologia é muito eficiente e adaptável, porque mesmo que ela seja direcionada para alunos de 1º a 3º ano eu consegui trabalhar até o 5º ano, considerando a realidade de cada aluno", comemora.

 

Ela comprovou o impacto da metodologia nos resultados. Segundo ela conta, nenhum aluno conseguia ler com fluência ou pelo menos ler sílabas. "Na Rede Synapse aprendemos a desenvolver textos e atividades respeitando a realidade dos alunos, para criar maior conexão com eles. Depois fomos trabalhando as sílabas, por meio de jogos que estimulavam a participação deles e, a partir daí, começaram a ler. Isso é muito gratificante", conta a professora Sabrina Ferreira.

 

Ela também criou o que chamou de "Cantinho da leitura". Um espaço que dá acesso aos livros e incentiva a leitura, inclusive para alunos menores ainda não alfabetizados. O projeto deu tão certo que eles agora aprendem palavras novas e procuram a professora para entender o significado.

 

Acolhimento com o "dado das emoções"

Outra iniciativa foi a da professora Anny Caroline de Souza Santos Faria, 30 anos, professora de uma escola municipal da cidade de Arauá, em Sergipe. No ano passado, ela conheceu a formação da Rede Synapse. Segundo ela, um dos principais destaques da metodologia foi o conteúdo sobre acolhimento que ela replicou com seus alunos em sala de aula, na atividade "dado das emoções". A atividade consiste em um dado, assim como o de tabuleiro, com cada lado representando uma emoção. A professora constrói o dado com os alunos para identificar as emoções que estão prevalecendo. A atividade traz proximidade e segurança para os diálogos. "Talvez, se eu perguntasse como aquele aluno se sentia, sem utilizar o dado de emoções, ele não me responderia ou não interagiria. A Rede Synapse foi um divisor de águas na minha vida", destaca a professora Anny.

 

De acordo com Anny, a metodologia também ajuda a trabalhar o mesmo material de várias maneiras, por exemplo, um texto sobre o transporte na cidade ela dividiu em diversas partes e tem trabalhado a interpretação e reestruturação do texto com os alunos. "A metodologia da Rede Synapse é realmente efetiva, pois coloca o aluno enquanto participante e protagonista do processo educativo".

 

A Rede Synapse

A Rede Synapse nasceu da iniciativa empreendedora de professores alfabetizadores, para construção de uma educação de qualidade para todas as crianças do Brasil, com a colaboração da sociedade. Esse grupo criou a metodologia em Santa Luzia do Itanhy (SE), em 2010, em parceria com o Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (IPTI), que recentemente passou a se chamar The Human Project (THP), focado no desenvolvimento de tecnologias sociais nas áreas de educação básica, educação empreendedora e saúde básica em comunidades.

 

O diferencial da metodologia é a neurociência aplicada na educação, o planejamento por objetivo de aprendizagem (alinhada à BNCC - Base Nacional Comum Curricular) e o conhecimento do professor.

 

A Rede Synapse atua para ser referência nacional em alfabetização até 2030. Seus professores são comprometidos com o propósito de construir, aplicar, avaliar e aperfeiçoar continuamente essa metodologia exclusiva e inovadora, adequada à realidade da educação do Brasil.

 

"As ferramentas e os conteúdos criados pelos professores da Rede Synapse trazem a inovação para dentro das salas de aulas porque são construídos com base na realidade local de cada aluno, o que incentiva o empreendedorismo social dos educadores. Isso que a metodologia da Rede Synapse quer estimular. Cada professor é protagonista do processo de ensino e o aluno também se sente ator principal desse processo, porque é de fato considerado e nas suas condições. Os professores ficam estimulados a criar e desenvolver atividades que facilitam e criam mais conexão com os alunos, respeitando a realidade do local que vivem. A Rede Synapse, por sua vez, pode replicar as melhores iniciativas para outros educadores para colaborar com mais facilitadores desse processo", destaca a fundadora e coordenadora de Mobilização da Rede Synapse, Kiara Ramos.

 

A ONG Rede Synapse atua com o apoio de inúmeros investidores voluntários como: BNDES, Petrobras, The Human Project (THP), Movimento Bem Maior, Hydro, Lorinvest, Cris Barros entre outras.

 

SIGA NAS REDES SOCIAIS:



CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE NO CANAL "O BLOGUEIRO OFICIAL" DO YOUTUBE !


PARA DIVULGAÇÃO CLIQUE E FALE COMIGO: @OBLOGUEIROOFICIAL


VEJA TAMBÉM:

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

"Acampamento de Magia para Jovens Bruxos" estreia no Gloob na próxima sexta-feira, dia 12

MODA: Podyh AW24

Indústria brasileira desacelera diversificação do portfólio no primeiro trimestre

ESPORTES: YoPRO anuncia sua primeira corrida em parceria com Norte Marketing

Novo Nordisk é a única farmacêutica presente no Web Summit 2024

Atlantica Hospitality International lança empreendimento na região da Avenida Paulista em São Paulo

Tarkett cria piso vinílico que facilita paginações criativas

Fairmont Rio de Janeiro Copacabana recebe recital exclusivo de Andrea Bocelli

Empreendedorismo Familiar e superação: Do garoto vendedor de cocada na Zona Leste à CEO de 3 empresas, e sócio do Káka Diniz e João Kepler