GASTRONOMIA: Para os dias de outono, aprenda a fazer chocolate quente

Imagem
Toque final fica por conta da farofinha de biscoito. Foto: Divulgação Para as noites de outono, nada como uma bebida doce quentinha. Aprenda a fazer chocolate quente com farofinha de biscoito como toque final e surpreenda-se! Confira o modo de preparo abaixo: Ingredientes: 1 lata de leite condensado 1 colher (sopa) de amido de milho 1 litro de leite 4 colheres (sopa) de achocolatado em pó 100 g de chocolate ao leite picado 1 caixa de creme de leite (200 g) 1 colher (chá) de essência de baunilha 1 pacote de Biscoito Treloso recheado sabor chocolate Modo de preparo: - Em uma panela, adicione o leite condensado, o amido de milho dissolvido no leite, o achocolatado, o chocolate picado e leve ao fogo baixo, mexendo sempre, até engrossar levemente e o chocolate derreter por completo. - Retire do fogo e misture o creme de leite e a essência. - Sirva acompanhado de chantilly pronto e coloque Biscoito Treloso recheado sabor ch

MODA: Grupo SOMA patrocina Carandaí 25 e, pela primeira vez, investe em projetos culturais no Rio de Janeiro via Leis de Incentivo (ISS)

Grandes players da moda se uniram para fomentar a economia circular e criativa

 

Fotos: Divulgação

 

O Grupo SOMA se uniu ao Carandaí 25, por meio da Lei do ISS do Rio de Janeiro, para causar impacto positivo na comunidade local, tanto do ponto de vista cultural, quanto social. SOMA e Carandaí potencializaram o Nós do Crochê, projeto que atende cerca de 40 mulheres da comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro. A Companhia produziu três oficinas com foco na troca de conhecimento, vivências e experiências com os profissionais de diferentes expertises da companhia: Upcycling e processo criativo, com Gabriela Mazepa, Imagem, com Igor Padrenosso, e Qualidade, com Tâmara Lopes.


Durante esses encontros, as mulheres atendidas pelo projeto puderam usar suas habilidades técnicas e expressar seus aprendizados customizando cinco peças que foram leiloadas pelo Carandaí 25 e tiveram renda revertida para a manutenção do Nós do Crochê. O evento aconteceu de 8 a 11 de maio, no Jockey Club Brasileiro, com a presença de mais de 180 marcas de diferentes regiões do Brasil.
 ‍   

O Grupo SOMA, patrocinador do Carandaí, também participou de uma roda de conversa representado pela Head de Sustentabilidade e Comunicação da Companhia, Taciana Abreu. O bate-papo sobre Sustentabilidade aconteceu no segundo dia de evento, com participação de Itamar Cechetto e Cris Dios, do Laces and Hair, e mediado por Maria Antonia Chady e Isabela Rozental, do Papo Delas.

 

Taciana Abreu - Head de Sustentabilidade e Comunicação da Companhia - com microfone

 ‍   

Somando com a Muda, mudam a moda juntas


O Grupo SOMA e a Oficina Muda dividiram um stand dedicado à conscientização sobre a importância do reaproveitamento de sobras têxteis da indústria da moda para o meio ambiente e para as pessoas. Parceiras desde 2015, roupas com defeitos da FARM, Maria Filó e Foxton são encaminhadas para ganharem uma nova vida na Oficina Muda. Em nove anos, mais de 612 mil peças foram ressignificadas, o equivalente à cerca de 270 toneladas de resíduos que foram desviados do aterro sanitário.

 

Enquanto empresa de moda, o Grupo SOMA reconhece a responsabilidade de prolongar a vida útil das peças por meio de técnicas como upcycling e serviços de conserto\reparo, o que significa, para além de novas histórias contadas, uma economia de água, Gases de Efeito Estufa que deixam de ser emitidos e menor geração de resíduos têxteis.

 

Além de produto acabado, a doação de matérias-primas como retalhos de tecido para a Rede Asta, também é intermediado pela Oficina Muda. Só em 2023, mais de 15 toneladas foram transformadas em 157.347 produtos. Esse mérito é de aproximadamente 300 artesãs, que por meio de saberes ancestrais e mentes criativas, tiveram uma renda de R$2.764.741.
 ‍   

Parcerias como a Oficina Muda e a Rede Asta fazem parte da estratégia ESG (ambiental, social e de governança) do Grupo SOMA, que se comprometeu publicamente em ser Aterro Zero até 2030. E como o pilar ambiental está diretamente conectado ao social, a gestão de resíduos têxteis de forma ambientalmente correta é atrelada ao impacto positivo para as pessoas.
 ‍   

Responsabilidade Social 


Apesar das marcas do Grupo, atualmente, terem iniciativas sociais com mais de 30 parceiros externos, a companhia avança na frente de Responsabilidade Social, estruturando a área corporativa no final de 2023 sob a gestão do time de Sustentabilidade. A nova frente mostra o amadurecimento do Pilar Social, que antes era focado exclusivamente nos temas de Diversidade, Equidade e Inclusão. A nova estratégia conta com a definição dos pilares prioritários de atuação, papeis e responsabilidades, sendo aplicadas em 2024.

 

.




CLIQUE E FALE COMIGO:

SIGA NAS REDES SOCIAIS:



CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE NO CANAL "O BLOGUEIRO OFICIAL" DO YOUTUBE !


VEJA TAMBÉM:

Rita Cadillac grava vídeo pornô com criador de conteúdo adulto Jefão

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

CELEBRIDADES: Ex-BBB Nizam publica novo ensaio nu

Ferragamo Hug Bag

MODA: Podyh AW24

Indústria brasileira desacelera diversificação do portfólio no primeiro trimestre

INTERNET: Nizam publica foto totalmente nu e choca a web

Céu lança Novela

SOLIDARIEDADE: ‘Sábado Solidário’ arrecadas mais de 40 toneladas de doações

ENTRETENIMENTO: Turnê do Natiruts muda para o Engenhão e ajuda vítimas do Rio Grande do Sul